Atividade de interpretação para EF e Médio

A interpretação de textos no ensino médio e vestibular é importantíssima para que o aluno tenha uma boa nota na hora do vestibular. Isso porque a nota depende de que o aluno consiga interpretar bem os enunciados e, consequentemente se mostre crítico diante as mais variadas situações. depois ele será cobrado para fazer bem a redação e sua nota deverá mostrar que se preparou bem ao longo de todos os anos de ensino médio. Por isso é necessário um bom curso de redação online que prepare de forma adequada o estudante.

Texto IV

“A maior alegria do brasileiro é hospedar alguém, mesmo um desconhecido que lhe peça pouso, numa noite de chuva.”

(Cassiano Ricardo, in O Homem Cordial)

1) Segundo as ideias contidas no texto, o brasileiro:

a) põe a hospitalidade acima da prudência.

b) hospeda qualquer um, mas somente em noites chuvosas.

c) dá preferência a hospedar pessoas desconhecidas.

d) não tem outra alegria senão a de hospedar pessoas, conhecidas ou não.

e) não é prudente, por aceitar hóspedes no período da noite.

2) A palavra mesmo pode ser trocada no texto, sem alteração de sentido, por:

a) certamente

b) até

c) talvez

d) como

e) não

3) A expressão “A maior alegria do brasileiro” pode ser entendida como:

a) uma personificação

b) uma ironia

c) uma metáfora

d) uma hipérbole

e) uma catacrese

4) O trecho que poderia dar sequência lógica e coesa ao texto é:

a) Não obstante isso, ele é uma pessoa gentil.

b) Dessa forma, qualquer um que o procurar será atendido.

c) A solidariedade, pois, ainda precisa ser conquistada.

d) E o brasileiro ganhou fama de intolerante.

e) Por conseguinte, se chover, ele dará hospedagem aos desconhecidos.

Respostas

1) Letra a. Na ânsia de ser hospitaleiro, o brasileiro hospeda, imprudentemente, em sua casa, pessoas desconhecidas. A letra b condiciona a hospedagem às noites chuvosas. A opção c não tem nenhum apoio no texto, que não fala em preferências. A letra d não cabe como resposta, pois o texto nos fala de “maior alegria”, ou seja, há outras, menores. A letra e poderia realmente confundir. Na verdade a falta de prudência não existe por aceitar hóspedes durante a noite, mas aceitá-los sendo eles desconhecidos.

2) A resposta é a letra b. Mesmo é palavra denotativa de inclusão, da mesma forma que até.

3) O gabarito é a letra d. Trata-se de um evidente exagero do autor. A figura do exagero chama-se hipérbole.

4) Letra b. Na opção a, não obstante isso tem valor concessivo. Deveria ser por isso ou semelhantes. Na letra c, a conjunção pois é conclusiva, não pode estar seguida de ainda precisa, pois o texto diz que o brasileiro já conquistou a solidariedade. A alternativa d contraria inteiramente o texto. A letra e não dá sequência ao texto, pois este não condiciona a hospedagem à chuva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s